segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Uma espécie de qualidade

Fui um dos felizes contemplados com este prémio e tudo graças à minha caríssima colega Kelle e ao Lobinho, o responsável pelo desafio. Claro que para merecê-lo primeiro tive de responder a um sem fim de perguntas pessoais, cada uma mais difícil que a outra. Hoje em dia ninguém dá nada a ninguém e a Kelle é uma excelente marketeer.

Questão 1: Tens medo de quê?
De morrer, de não conseguir atingir objectivos que considero essenciais para o meu bem-estar.

Questão 2: Tens algum guilty pleasure?
Gasto algum dinheiro em CDs, DVDs e jogos para a PS3.

Questão 3: Farias alguma loucura por amor/amizade?
Já fiz, ainda faço e tenciono continuar a fazer.

Questão 4: Qual o teu maior sonho? Responder paz, amor e felicidade é trapacear;)
O meu maior sonho é chegar ao ponto em que me sinto completamente bem comigo mesmo. O resto vem no seguimento. E isto não é tanga. Depois também tenho muitos sonhos capitalistas: casa, carro, viagens, enfim, o normal.

Questão 5: Nos momentos de tristeza/abatimento, isolas-te ou preferes colo?
Preciso de ambos. Primeiro dedico-me a alguns momentos de reflexão, depois acabo por desabafar com algumas pessoas (são quase sempre as mesmas).

Questão 6: Entre uma pessoa extrovertida e uma introvertida, qual seria a escolha abstracta?
Depende do carisma, interesses, pontos de vista, etc. Eu sei que vocês querem respostas mais directas, portanto: pessoa extrovertida para sair á noite e divertir; pessoa introvertida para falar sobre assuntos mais sérios.

Questão 7: Sentes-te bem na vida, ou há insatisfação além do desejável?
Sim, sinto-me bem na vida. Claro que há sempre insatisfação.

Questão 8: Consideras-te mais crítico ou ponderado? Sabendo, contudo, que existem críticas ponderadas.
Obrigado pela ajuda! Sou um crítico ponderado.

Questão 9: Julgas-te impulsivo, de fazer filmes, paciente...? Define-te, de uma forma geral.
Um pouco impulsivo, verdadeiro com os amigos, amigo, um pouco impaciente, determinado, ambicioso, gosto de estar sempre a aprender, sei ser humilde, sei ser arrogante, idolatro as pessoas verdadeiras, detesto as falsas (mas ando a aprender a lidar com elas).

Questão 10: Consegues desejar mal a alguém e, normalmente, concretizar? Sê sincero.
Quem é que nunca desejou mal a alguém? Depois dessa fase, regra geral, passo a ignorar completamente a pessoa em questão.

Questão 11: Contens-te publicamente em manifestações de afecto (abraçar, beijar, rir alto...)?
Conter soa a reprimir. A resposta é não.

Questão 12: Qual o teu lado mais acentuado? Orgulho ou teimosia?
Orgulho, sem sombra de dúvida.

Questão 13: Casamentos homossexuais e direito à adopção?
Ao estilo do Prof. Marcelo: casamentos homossexuais, sim! Direito à adopção, não!

Questão 14: O que te faz continuar o blogue?
Gosto pela escrita e necessidade de partilhar.

Questão 15: O número de visitas e comentários influencia o teu blogue?
Não influencia os conteúdos, mas é bom saber que somos lidos.

Questão 16: Na tua blogosfera pessoal e ideal, como seria?
A minha blogosfera pessoal e ideal está descrita ao longo do lado direito deste blogue.

Questão 17: Deviam haver encontros de bloguistas? Caso sim, em que moldes? Caso não, porquê?
Já participei em alguns e a experiência foi bastante positiva. O modelo é quase sempre o mesmo – encontro de manhã, almoço de convívio e actividades à tarde. Parece um lugar-comum, mas acreditem que são momentos extremamente interessantes com os quais só temos a ganhar.

Questão 18: Sabes brincar contigo e rir com quem brinca contigo? Sem ironias.
Sei rir-me de mim mesmo e o meu grupo mais chegado de amigos sabe disso. Mas não o admito a qualquer pessoa. Com o passar dos anos aprendi a não me levar demasiadamente a sério.

Questão 19: Quais são os teus maiores defeitos?
Orgulho e impaciência.

Questão 20: Em que aspectos te elogiam e/ou achas ter potencialidades e mesmo orgulho nisso?
Bom senso, responsabilidade e humildade.

Questão 21: Entre uma televisão, um computador e um telemóvel, o que escolherias?
Tudo isso, mas só quando não há pessoas por perto.

Questão 22: Elogias ou guardas para ti?
Não elogio qualquer pessoa.

Questão 23: Tens humildade suficiente para te desculpar, sem ser indirectamente?
Tenho.

Questão 24: Consideras-te, de grosso modo, uma pessoa sensível ou pragmática?
Sensível nalguns assuntos, completamente pragmática noutros.

Questão 25: Perdoas com facilidade?
Depende.

Questão 26: Qual o teu maior pesadelo ou o que mais te preocupa?
A morte de alguém próximo.

É parte integrante deste prémio passar o desafio. Eis os escolhidos:

http://xananobre.blogspot.com
http://seiaportugal.blogspot.com
http://outalveznaoseja.blogspot.com
http://www.oeloeacorrente.blogspot.com
http://www.eduardoamaral.com
http://blog-do-pinhas.blogspot.com
http://legumesalteados.blogspot.com

5 comentários:

Kelle disse...

Perante a resposta à questão 24("Não elogio qualquer pessoa."), devo sentir-me lisonjeada pelo elogio logo no início do post :D

Luis Monteiro disse...

Vá, não fiques inchada.

Ana Pinheiro disse...

Gostei muito, de te ler nesta entrevista :)*

Ana Pinheiro disse...

A virgula ficou a mais.

Luis Monteiro disse...

Agora faz a tua parte :)